Prefeitura retoma projeto do Parque Tecnológico Internacional

O prefeito Hélio Peluffo recepcionou técnicos e diretores de entidades parceiras em reunião para encaminhar providências para viabilização do Parque Tecnológico Internacional (PTin), tendo como pautas a definição da futura área, discussão do conceito e governança do PTin.

O encontro, no gabinete do prefeito, contou com a presença Nelson Vieira Fraga Filho ( do gabinete do Senador Waldemir Moka), Raul Alfonso Rodrigues (FAMASUL), Amauri Ozorio Nunes (FECOMERCIO), Leandro Noves (FIEMS), Marcos Vilanueva (IFMS), Flávia Rosa Santos Silva e Everton Perussi (SEBRAE), Adir Teixeira Oliveira (Coordenador Regional do Governo do Estado), Daniel Frainer (SEMAGRO), Lucio Flávio Suvakozawa e Karlen Karin Obeid (UEMS), Luan Carlos Silva (UFGD), Jardel Matos (UFMS), além de Sérgio Yonamine e Tito C. M. de Oliveira, representantes da prefeitura de Ponta Porã.

Na abertura, o prefeito Hélio Peluffo salientou que o PTin foi criado há três anos e que a sua gestão vai acelerar o processo e concretizar esse empreendimento, muito importante para a região de fronteira. Nesse aspecto, a Prefeitura de Ponta Porã está buscando alternativas para sua viabilização, considerando assim que, para a administração atual, este é um assunto prioritário. O prefeito salientou a necessidade de compartilhar suas ações com as entidades participantes e a perspectiva de compartilhar atuações e reafirmar parcerias.

Um dos principais pontos debatidos na reunião foi sobre a futura área para acomodar o Parque Tecnológico Internacional. O prefeito Hélio Peluffo informou que várias alternativas estão sendo estudas pelo Executivo, incluindo a possibilidade da cedência da área por parte do Exército Brasileiro.

Dentre as opções, esclareceu o Prefeito Hélio – está a busca alternativas de viabilizem a aquisição da área em parceria com a iniciativa privada. A prefeitura, conforme o prefeito, está estudando uma proposta de criar um “Complexo Tecnológico de Produção e distribuição (CTPD)” onde, nele estaria presente uma área destinada ao PTin, outra a Receita Federal, outra área para instalação de “porto seco” e, uma outra ainda com capacidade para abrigar empresas de serviço, comercial e industrial de caráter estritamente privado.

Quanto aos conceitos, foi provada a proposta da tríplice-hélice, com a governança compartilhada entre as universidades, o poder público e as empresas da base tecnológica. Os parceiros participantes da reunião definiram demandas e encaminhamentos a serem providenciadas, como a captação de recursos para a efetiva implantação dos projetos do PTin.

Notícias Relacionadas

Prefeito Hélio destaca força de Ponta Porã na prod... Município sedia abertura oficial do plantio na Fazenda Jotabasso, grande produtora de grãos do país  O prefeito Hélio Peluffo destacou na abertura ...
Jogos “Cidade de Ponta Porã” destaca diversidade c... A Abertura dos Jogos “Cidade de Ponta Porã” na noite de sexta-feira, dia 30 de junho, no ginásio de esportes ´Pepe Portela´ demonstrou a grande divers...
Prefeito vistoria obras de pontes e serviços avanç... Rua Comandante Cardoso já recebe tubulação e rua Ladário será interditada nos próximos dias O prefeito de Ponta Porã, Hélio Peluffo vem acompan...
Prefeitura convoca aprovados em concurso para poss... Muitos já trabalham desde janeiro como contratados; posse ocorre nos próximos dias 12 e 13   A Prefeitura de Ponta Porã, através da Secreta...