Prefeitura implanta bueiros tubulares na Itamarati

Trabalho soluciona de forma definitiva o escoamento de água nas estradas da Itamarati I

A prefeitura de Ponta Porã vem realizando a total recuperação das estradas no distrito de Nova Itamarati. “Estamos solucionando de forma definitiva o escoamento de água nas estradas da Itamarati I com a implantação de bueiros tubulares, como esse. Antes, a cada chuva a estrada era interditada, comprometendo o transporte de cargas, pessoas e alunos.

A meta é implantar novas passagens nas outras estradas em pontos que são críticos, como esse na estrada principal da I próximo da Amffi”, disse o prefeito Hélio Peluffo.

A Prefeitura de Ponta Porã, através de Secretaria Municipal de Obras, realiza continuamente o trabalho de recuperação de pontos críticos e também de manutenção nas estradas que ligam a área urbana do município com as áreas rurais do município. Os trabalhos estão concentrados no núcleo urbano do distrito de Nova Itamarati durante toda esta semana, com cascalhamento e patrolamento total das vias.

Além do patrolamento e cascalhamento, as equipes realizam o trabalho de limpeza das caixas de contenção da água das chuvas, um serviço essencial para garantir as condições de tráfego no momento em que se aproxima a colheita da safra de verão bem como o início das aulas nas escolas que atendem estudantes que moram nas áreas rurais. Também está sendo realizada roçada.

Assim que estiver em condições a Prefeitura vai enviar mais máquinas. De acordo com o prefeito Hélio Peluffo Filho, a determinação é para que todas as estradas vicinais sejam recuperadas e o trabalho de manutenção seja contínuo. O principal objetivo, conforme o secretário de Infraestrutura, André Manosso é deixar as estradas vicinais em boas condições uma vez que é a principal ligação entre centenas de propriedades rurais com a sede do município. Ponta Porã possui a segunda maior área plantada de soja em Mato Grosso do Sul.

As estradas no distrito de Nova Itamarati também receberam melhorias e a manutenção é constante. O prefeito Hélio Peluffo visitou recentemente vários pontos onde os trabalhos foram executados, melhorando a malha viária ao entorno do distrito, garantindo melhores condições para o tráfego.

Contorno viário norte começa receber pavimentação

Trecho sentido centro-bairro cruzando bairros São João e Estoril já recebe base para o asfalto

O primeiro trecho do contorno viário norte com pavimentação começa a ganhar forma, com a imprimação (base para receber asfalto) na rua Guia Lopes, seguindo pela rua México. O trecho corta parte do bairro São João, seguindo pelo Estoril, chegando até o bairro Gui Vilela para seguir a rodovia MS 164. Durante todo o fim de semana, os trabalhos seguiram. Já na sexta-feira passada à noite, o prefeito Hélio Peluffo acompanhou a implantação dos primeiros metros da lama asfáltica, na extensão da rua Guia Lopes até chegar a bifurgação com o contorno viário sul.

Uma obra emblemática na primeira etapa do contorno viário, a ponte sob a rua México avança ligando as duas partes dessa via no Jardim Estoril, o que possibilitará a junção do trecho norte. Os trabalhos estão em fase adiantada, aproveitando os dias de estiagem, importante nesta etapa do processo de construção da ponte.

O prefeito Hélio Peluffo lembrou que o contorno viário resgata um compromisso assumido com a população de Ponta Porã e com apoio do governador Reinaldo Azambuja “estamos realizando a obra, uma das mais aguardadas pela população nos últimos anos”, frisou o prefeito Hélio Peluffo. “É um investimento superior a R$ 22 milhões”, complementa.

As obras do contorno viário norte avançam gradativamente e a ligação entre os bairros Jardim Estoril e Gui Vilela está em fase bem adiantada, mesmo com o ritmo desacelerado por conta da pandemia. Os trabalhos de drenagem no contorno viário norte avançam em dois extremos importantes dessa ligação que mudará totalmente o cenário urbanístico da cidade, com a retirada da circulação de veículos pesados na área central.

O serviço de implantação dos tubos estão avançados nas ruas Belmiro Albuquerque e rua México, duas importantes vias ligando a rota do futuro contorno viário, para chegar até a rua Galileu Galilei, já no bairro Gui Vilela, cortando o Jardim Ivone, passando pela lateral do bairro Kamel Saad, até chegar na rodovia MS 164.

Dentro do cronograma estabelecido para execução de todas as etapas do contorno viário de Ponta Porã, que ligará as rodovias BR 463 e MS 164, nos dois extremos da cidade, o prefeito Hélio Peluffo assinou a ordem de serviços e os trabalhos do trecho norte, da MS 164 à rua Vital Brasil no bairro Gui Vilela, e desta rua à rua Guia Lopes, já no bairro São João estão em execução. As obras dessa primeira etapa estão em plena execução. São 8 km que vão integrar a cidade, desviar o trânsito pesado e reorganizar o crescimento urbano.

“É uma obra muito aguardada e merece todo nosso cuidado, assim como todas as obras realizadas pela nossa administração. O contorno viário vai mudar o perfil econômico na região por onde passará, o desenvolvimento vai acelerar e os bairros crescerão com a chegada dessa obra” disse o prefeito Hélio Peluffo, ao vistoriar a execução da implantação dos tubos do sistema de drenagem em trecho do futuro contorno rodoviário.

“Fui verificar a instalação da galeria celular de concreto armado que garante a travessia sobre o Córrego Pegua Jho. O trecho de 8 km tem uma ponte e duas travessias. Obra em andamento, afirmou o prefeito.

O anel rodoviário de Ponta Porã vai tirar os veículos pesados do centro da cidade, aumentando a segurança e garantindo a fluidez do trânsito. “Vamos tirar o trânsito pesado do centro. É um sonho antigo de todos aqui da fronteira, em especial aqui de Ponta Porã. E junto com isso, outros investimentos. Vamos recapear mais avenidas, estamos entregando as patrulhas mecanizadas para os agricultores da agricultura familiar, estamos investindo nessa parceria na saúde, para levar a saúde mais próxima das pessoas. Isso mostra o governo presente e parceiro dos municípios”, disse.

No decorrer da semana, com o clima ajudando, esse trecho receberá a capa asfáltica.

Prefeitura lança Campanha do Agasalho 2020

“Faça o bem, aqueça o coração de alguém” é o slogan para sensibilizar as doações

A Prefeitura Municipal através da Secretaria de Assistência Social lança a Campanha do Agasalho 2020 direcionada para a população em situação de rua. “O tempo pode esfriar, seu coração não! Doe agasalho”. Esse ano, devido a pandemia do coronavírus, precisamos tomar todas as medidas de prevenção. Portanto, teremos apenas 1 ponto de coleta, conforme imagem.

Se você tem roupas, sapatos, mantas ou cobertores em bom estado, mas não tem como levar até o centro pop, ligue a secretaria de Assistência Social providencia a busca. “Faça o bem, aqueça o coração de alguém”.

No ano passado, a prefeitura de Ponta Porã realizou a campanha do Agasalho 2019 com a confecção de calças e casacos a serem distribuídos a famílias em vulnerabilidade social através do programa “Mãos que Fazem”. A primeira dama agradeceu o apoio das entidades parceiras e das pessoas que se dispuseram a contribuir com a ação beneficente.

“A prefeitura costuma entregar cobertores, mas verificamos nos postos de saúde, creches e junto aos centros de referência em Assistência Social um grande número de pessoas que precisam de roupas. Como podemos ficar confortáveis sabendo que há idosos e crianças sofrendo com o frio?”, questionou a primeira-dama no ato de apresentação da campanha do agasalho.

A primeira-dama Vânia Peluffo lembra das ações desenvolvidas pela secretaria de Assistência Social, mencionando os atendimentos disponibilizados pela rede de atenção como o CRAS que atende cerca de 5 mil pessoas no município, ofertando atendimentos às famílias em situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza ou qualquer outro risco social, pessoas com deficiência e idosos.

O prefeito Hélio Peluffo agradeceu o empenho e dedicação de toda equipe em amenizar a situação dos que mais necessitam em épocas de inverno. Destacou que a sociedade tem sido parceira e participativa nas ações positivas, lembrando do papel desempenhado pelos vereadores, levando as reivindicações da população. Enfatizou que o trabalho em equipe fortalece e amplia o atendimento, citando que a administração municipal tem buscado sedimentar as ações em todas as áreas.

O Centro Pop (Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua) é ponto de coleta. Está situado à avenida Brasil,  3.759. Também é possível efetivar doação através do telefone 9.9971.5839.

Prefeitura entrega kit de material a escolas e Ceinf´s

A prefeitura de Ponta Porã, através da Secretaria Municipal de Educação, promoveu nesta sexta-feira, 29, entrega de material a escolas da Rede Municipal de Ensino e Ceinf´s (Centros de Educação Infantil) reforçando parte didática para, no retorno das aulas presenciais, serem utilizados pelos alunos.

A entrega ocorreu na sede da SEME de forma simbólica a quatro diretores, e as demais receberão nas próprias escolas. É um cuidado para não haver aglomeração. A secretária de Educação, professora Leny Klais destacou o investimento da administração do prefeito Hélio Peluffo desde o início da gestão, tanto na estrutura física como na qualificação dos profissionais da área.

Cuidar da formação das nossas crianças é um desafio diário que se dispõe os 1.700 servidores que zelam todos os dias pela educação de 12.900 alunos matriculados na rede municipal de ensino.

São 1.168 professores em sala de aula buscando as melhores estratégias de formação nesses tempos de rápida mudança do conhecimento. A Secretaria de Educação promove contínua capacitação de sua equipe, oferecendo educação de qualidade. A formação de professor e o investimento em tecnologia educacional são metas constantes.

“Todos nossos alunos receberão uniforme e material escolar básico. Para garantir merenda de qualidade, licitamos R$ 7,5 milhões, proporcionando alimentação nutritiva de qualidade, com carne em cubos (patinho), carne em tiras, frango desossado e reforço de açaí”, lembra o prefeito Hélio Peluffo. A Prefeitura serve 22 mil refeições por dia, investimento de R$ 14,8 mil em cada um dos 200 dias letivos.

Vale destacar o implemento do Projeto Cultura da Paz , criado por lei aprovada nesta Casa, que levou a cultura da paz às escolas. O objetivo é diminuir todas as formas de violências nos espaços escolares, as altas taxas de evasão escolar e os índices de gravidez na adolescência.

“Estamos concluindo a quadra coberta da Escola São João, concluindo dois Centros de Educação Infantil que estavam com obras paralisadas e implantando uma nova unidade educacional para crianças pequenas no distrito de Sanga Puitã. Será o primeiro Ceinf do distrito”, afirma o prefeito Hélio, citando que “também estamos ampliando a escola Zaira Portela através de parceria público/privada, como forma de atender a demanda na região do Kamel Saad”.

“Também Estamos ampliando e reformando as escolas Profª Conceição Capiberibe Saldanha, Marcondes Fernandes Pereira, Prefeito Ade Marques e João Carlos Pinheiro Marques, mais as escolas da Cabeceira do Apa, da Nova Conquista e a Escola Graça de Deus.

A escola de Música Dona Iracema é um sucesso: tem hoje 748 alunos matriculados em formação musical e artística. Os programas de esporte da Fundação de Cultura e Esportes de Ponta Porã ajudam na formação integral das nossas crianças e jovens. Hoje são mais de 2 mil alunos matriculados nas escolinhas de judô, futebol de campo, futsal, basquete, voleibol, atletismo, karatê e capoeira.

O kit escolar entregue hoje estão cola, lápis, cartolina, cadernos e outros materiais essenciais no dia a dia da vida estudantil. A entrega foi feita pela secretária de Educação, Leny Klais e adjunta, professora Mirta Landolfi.

Prefeitura atende comunidade indígena com máscaras do FAC

A prefeitura de Ponta Porã, em mais uma ação social, entregou à comunidade indígena da Aldeia Lima Campo máscaras, roupas para bebês e ponchos para as crianças, todos confeccionados pelo FAC – Fundo de Apoio à Comunidade. O material foi confeccionado pelo FAC (Fundo de Apoio à Comunidade), coordenado pela primeira-dama Vânia Peluffo com cursos profissionalizantes desenvolvidos durante todo o ano em vários polos em diferentes regiões da cidade. O prefeito Hélio Peluffo assinou decreto obrigando a utilização de máscaras em Ponta Porã. O decreto está publicado no Diário Oficial do município de Ponta Porã.

Recentemente, através da secretaria municipal de Assistência Social, realizou a entrega de máscaras gratuitamente a moradores do bairro Ferroviária 2 e adjacências, facilitando assim para a população desse populoso bairro ter acesso a esse material obrigatório no município.

A entrega contou com a presença da secretária de Assistência Social, Vera Lúcia Oliveira que destacou a preocupação do prefeito Hélio Peluffo em garantir a todas famílias de baixa renda tenham condições de acesso ao uso de máscaras.

O decreto considerando o estado de calamidade pública decretado pelo Governo Federal em decorrência da pandemia do COVID-19, bem como a situação demanda o urgente emprego de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença no Município de Ponta Porã; a Portaria do Ministério da Saúde n. 188, de 3 de fevereiro de 2020, declarou Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) em decorrência da infecção Humana pelo COVID-19 (Novo Coronavírus); a Lei Federal n. 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, dispôs sobre as medidas para o enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional bem como considerando o Protocolo de Saúde para o Município de Ponta Porã, expedido em 13 de maio de 2020 pela Secretária Municipal de Saúde, determinou, através do Decreto, a utilização de máscaras de proteção facial para os cidadãos do Município de Ponta Porã que estiverem fora de seus domicílios, enquanto perdurar o período de emergência da Covid-19.

As máscaras de proteção deverão ser de uso pessoal e não deverão ser compartilhadas. Nenhum cidadão poderá adentrar nas dependências de qualquer prédio público ou privado, caso não esteja fazendo o uso correto de máscara de proteção fácil. Fica proibido o atendimento em qualquer estabelecimento comercial ou de prestação de serviço, de pessoas que não estejam usando a máscara de proteção facial, sendo responsabilidade do próprio estabelecimento a adoção de providências para cumprimento deste Decreto.

Os cursos são realizados através do programa “Mãos que Fazem” do FAC- Fundo de Apoio a Comunidade. O projeto inicial partiu de um sonho da primeira dama do município Vânia Peluffo em trabalhar com o oficio que foi da sua mãe dona Tercilia Potrich. ‘a costura’’ que sempre foi sua paixão. Assim, nasceu o projeto sendo esse o ponto de partida para o projeto Mãos que fazem, que iniciou timidamente em meados de outubro do ano 2018 com as oficinas de pintura em tecido, bonecas de pano, barbearia entre outras.

O programa já ofereceu mais de 80 oficinas atendendo publico de Serviço de convivência, CRAS, Escolas Municipais, Estaduais e Ceinf, Igrejas, Unidade prisional, Associação de Moradores, unidades básicas de Saude, projetos sociais entre outros, alcançando um publico aproximado mais de 2 mil pessoas (direto e indiretamente).

COVID-19: prefeito Hélio Peluffo pede que população redobre cuidados

“Se for necessário, tomaremos medidas restritivas novamente”, afirmou em coletiva de imprensa

“Precisamos que a população redobre os cuidados pois ainda não atingimos o pico”, afirmou o prefeito Hélio Peluffo em entrevista coletiva nesta terça-feira, 26, ao falar sobre os novos casos de Covid-19 no município. O prefeito reiterou que a prefeitura vem tomando todos os cuidados para evitar uma contaminação comunitária do coronavírus, mas reiterou que a população precisa apoiar. “Vejo que nossa parceria está diminuindo, pois enquanto trabalhamos ao lado de toda nossa equipe para evitar aumento de casos, há um descuido completo em vários locais, como bares. Se for necessário, vamos tomar medidas restritivas novamente”, ponderou o prefeito Hélio Peluffo.

O secretário de Saúde Patrick Derzi falou sobre os novos casos, explicando e respondendo a questionamentos por parte dos profissionais de imprensa. O prefeito Hélio Peluffo voltou a agradecer todos os veículos de comunicação pelo constante apoio. Ele lembrou que Ponta Porã não conta com internações e os leitos de UTI estão sem pacientes com o Covid-19 “e isso nos traz uma certa tranquilidade”. As ações da prefeitura têm sido constantes.

A prefeitura de Ponta Porã, através da secretaria municipal de Assistência Social, realizou a entrega de máscaras gratuitamente a moradores do bairro Ferroviária 2 e adjacências, facilitando assim para a população desse populoso bairro ter acesso a esse material obrigatório no município.

A entrega contou com a presença da secretária de Assistência Social, Vera Lúcia Oliveira que destacou a preocupação do prefeito Hélio Peluffo em garantir a todas famílias de baixa renda tenham condições de acesso ao uso de máscaras.

O material foi confeccionado pelo FAC (Fundo de Apoio à Comunidade), coordenado pela primeira-dama Vânia Peluffo com cursos profissionalizantes desenvolvidos durante todo o ano em vários polos em diferentes regiões da cidade. O prefeito Hélio Peluffo assinou decreto obrigando a utilização de máscaras em Ponta Porã. O decreto está publicado no Diário Oficial do município de Ponta Porã.

O decreto considerando o estado de calamidade pública decretado pelo Governo Federal em decorrência da pandemia do COVID-19, bem como a situação demanda o urgente emprego de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença no Município de Ponta Porã; a Portaria do Ministério da Saúde n. 188, de 3 de fevereiro de 2020, declarou Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) em decorrência da infecção Humana pelo COVID-19 (Novo Coronavírus); a Lei Federal n. 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, dispôs sobre as medidas para o enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional bem como considerando o Protocolo de Saúde para o Município de Ponta Porã, expedido em 13 de maio de 2020 pela Secretária Municipal de Saúde, determinou, através do Decreto, a utilização de máscaras de proteção facial para os cidadãos do Município de Ponta Porã que estiverem fora de seus domicílios, enquanto perdurar o período de emergência da Covid-19.

As máscaras de proteção devem ser de uso pessoal e não deverão ser compartilhadas. Nenhum cidadão poderá adentrar nas dependências de qualquer prédio público ou privado, caso não esteja fazendo o uso correto de máscara de proteção fácil. Fica proibido o atendimento em qualquer estabelecimento comercial ou de prestação de serviço, de pessoas que não estejam usando a máscara de proteção facial, sendo responsabilidade do próprio estabelecimento a adoção de providências para cumprimento do Decreto.

Ao final, o prefeito Hélio Peluffo disse que as ações são constantes e diariamente o comitê formado para acompanhar e tomar decisões vem se debruçando para tomar medidas para evitar a proliferação da doença. A coletiva de imprensa foi acompanhado por secretários municipais e vereadores.

LEGENDA FOTO

Prefeito Hélio e secretário Patrick Derzi em entrevista coletiva

Asfalto traz dignidade, dizem moradores do Parque das Aroeiras

Localizado entre os Ipês e o Planalto, bairro recebe benfeitoria e muda totalmente realidade

Um bairro confinado entre uma região muito populosa, o Parque das Aroeiras vê sua realidade ser transformada com a chegada do asfalto. Nesta semana, a pavimentação chegou nas primeiras ruas da vila e os moradores estão contemplando a melhoria, afirmando que tudo muda. É uma obra em parceria com o Governo do Estado, compromisso assumido pelo governador Reinaldo Azambuja e que está se tornando realidade.

“Não tínhamos tanta esperança de um dia ver o asfalto chegar, mas agora está chegando e vai mudar tudo para nós”, diz a dona de casa Solange Gutierrez Alcântara, que há 26 anos é moradora do Parque das Aroeiras. Ela disse que quando chegou ao bairro, eram apenas duas ruas. “Ponta Porã vinha até o Ipê 1, aqui para baixo era só mato”, relembra, ao mesmo tempo em que agradece o olhar humano do prefeito Hélio Peluffo.

“O prefeito esteve aqui várias vezes depois da eleição e sempre pedia para termos paciência que o asfalto chegaria. E agora, está finalmente chegando”, diz, contemplando as máquinas trabalhando e preparando o solo para recebe a capa asfáltica. Vendedor autônomo e residente há 13 anos, Paulo Dutra diz que já está planejando melhorar a fachada da casa. “Não tinha vontade nem de fazer calçada diante da lama que acumulava em frente de casa”, relata, dizendo que o bairro sempre foi deixado de lado pelas administrações.

“Lembro que a cada novo prefeito vinha as máquinas, passavam, patrolavam e cascalhavam. Era só. Depois disso nunca mais até um outro prefeito assumir”, afirma.

Os trabalhos de infraestrutura seguem para várias regiões da cidade. No Jardim Estoril, são 3.796m de asfalto, já no Bosque de Ponta Porã foram 2.640m e no bairro São João 1.165m.

A Prefeitura de Ponta Porã está concluindo obra de infraestrutura urbana e qualidade de vida, aplicando R$ 2,5 milhões nas obras de pavimentação asfáltica e drenagem de águas pluviais no Bairro Residencial Flamboyant, alcançando as ruas Missionária Maria, Sergio Antônio Duarte, Rosa Setzu C. Uemura, Cinco, Rosa Vermelha, Pedro Paschoal Colman, Doze e Treze, numa extensão de 2.808,79m.

“Estamos trabalhando firme para levar o máximo de conforto e infraestrutura para o centro e os bairros de Ponta Porã. Em parcerias com o Governo do Estado recapeamos 20 km de avenidas centrais e fundamentais para o trânsito local, trabalho que vamos ampliar em 2019. Nos bairros aplicamos recape com microrevestimento superficial, uma técnica desenvolvida na Europa, que preserva os pavimentos”, falou o prefeito Hélio sobre a área de obras e infraestrutura.

Maquinário segue recuperando estradas no distrito de Nova Itamarati

Uma parceria envolvendo a Prefeitura de Ponta Porã e o Governo do Estado, através da Agesul, viabilizou a realização de serviços de recuperação dos pontos mais críticos de várias estradas que beneficiam os moradores do Assentamento Itamarati. A prefeitura vem intensificando o trabalho em frentes de execução dos serviços.

Na semana passada as máquinas concluíram o trabalho na estrada que dá acesso aos moradores próximo da antiga sede, onde hoje funciona a subprefeitura. O prefeito Hélio Peluffo visitou os trabalhos e conferiu a melhoria das estradas que cortam a região. Outras localidades estão sendo atendidas, além de atender os moradores da AMFI, está prevista a realização dos serviços de recuperação dos pontos mais críticos na estrada que liga o Secador até a Escola José Edson, conforme solicitação dos moradores.

A ação desenvolvida pela Agesul com apoio da Prefeitura de Ponta Porã visa proporcionar aos agricultores familiares às condições mínimas para que possam transportar a safra. A realização de reparos nos pontos mais críticos das estradas também permite tráfego tranquilo de caminhões.

O prefeito Hélio Peluffo lembrou do investimento feito pelo Governo do Estado na ampliação do sistema de distribuição de água através da Sanesul. O investimento é superior a R$ 2,4 milhões. Entre os trabalhos beneficiando as famílias do distrito, está a construção de um reservatório apoiado com capacidade para armazenar 300 mil litros de água, uma estação elevatória de água, uma unidade de tratamento e a implantação de 30.236 metros de rede de distribuição de água e 633 ligações domiciliares. A implantação do sistema de abastecimento de água do distrito atende de imediato uma população estimada de 2.532 pessoas.

Escolas da REME retomam aulas no sistema EAD

Os alunos da Rede Municipal de Ensino retomam as atividades escolares nesta terça-feira, 19, através do sistema de Ensino a Distância e atividades remotas, que são atividades de ensino e aprendizagem à distância realizadas em período de suspensão de aulas devido à pandemia causada pelo COVID-19. O prefeito Hélio Peluffo assinou decreto antecipando as férias escolares para o período entre 04 a 18 de maio.

Essas atividades estão sendo encaminhadas desde o dia 18/03 aos estudantes, por meio das mídias como whats, facebook e agora por meio de uma plataforma on-line , onde os pais ou responsáveis têem acesso à essas atividades no endereço http://ead.tisocial.com.br/pontapora/.

A realização dessas atividades pedagógicas não presenciais têm o objetivo, em primeiro lugar, de evitar o retrocesso da aprendizagem e a perda do vínculo das crianças com a escola, evitando assim o retrocesso educacional dos estudantes.  Esse momento está sendo de reinvenção da Educação,  onde professores e família estão tendo que se adequar a essa nova realidade.

Em meio a tantos desafios os profissionais de educação não tem medido esforços em garantir que as atividades pedagógicas não-presenciais cheguem até os estudantes. Solicitamos que  as famílias entrem em contato com as escolas de seus filhos, caso tenham dificuldades em ter acesso às atividades, lembrando que todas as atividades devem ser devolvidas para os professores.

Contorno viário: obra emblemática, ponte na rua México avança

Ponte de concreto é extensão ligando duas partes da rua México no Jardim Estoril

Uma obra emblemática na primeira etapa do contorno viário, a ponte sob a rua México avança ligando as duas partes dessa via no Jardim Estoril, o que possibilitará a junção do trecho norte. Os trabalhos estão em fase adiantada, aproveitando os dias de estiagem, importante nesta etapa do processo de construção da ponte.

O prefeito Hélio Peluffo lembrou que o contorno viário resgata um compromisso assumido com a população de Ponta Porã e com apoio do governador Reinaldo Azambuja “estamos realizando a obra, uma das mais aguardadas pela população nos últimos anos”, frisou o prefeito Hélio Peluffo. “É um investimento superior a R$ 22 milhões”, complementa.

As obras do contorno viário norte avançam gradativamente e a ligação entre os bairros Jardim Estoril e Gui Vilela está em fase bem adiantada, mesmo com o ritmo desacelerado por conta da pandemia. Os trabalhos de drenagem no contorno viário norte avançam em dois extremos importantes dessa ligação que mudará totalmente o cenário urbanístico da cidade, com a retirada da circulação de veículos pesados na área central.

O serviço de implantação dos tubos estão avançados nas ruas Belmiro Albuquerque e rua México, duas importantes vias ligando a rota do futuro contorno viário, para chegar até a rua Galileu Galilei, já no bairro Gui Vilela, cortando o Jardim Ivone, passando pela lateral do bairro Kamel Saad, até chegar na rodovia MS 164.

Dentro do cronograma estabelecido para execução de todas as etapas do contorno viário de Ponta Porã, que ligará as rodovias BR 463 e MS 164, nos dois extremos da cidade, o prefeito Hélio Peluffo assinou a ordem de serviços e os trabalhos do trecho norte, da MS 164 à rua Vital Brasil no bairro Gui Vilela, e desta rua à rua Guia Lopes, já no bairro São João estão em execução. As obras dessa primeira etapa estão em plena execução. São 8 km que vão integrar a cidade, desviar o trânsito pesado e reorganizar o crescimento urbano.

“É uma obra muito aguardada e merece todo nosso cuidado, assim como todas as obras realizadas pela nossa administração. O contorno viário vai mudar o perfil econômico na região por onde passará, o desenvolvimento vai acelerar e os bairros crescerão com a chegada dessa obra” disse o prefeito Hélio Peluffo, ao vistoriar a execução da implantação dos tubos do sistema de drenagem em trecho do futuro contorno rodoviário.

“Fui verificar a instalação da galeria celular de concreto armado que garante a travessia sobre o Córrego Pegua Jho. O trecho de 8 km tem uma ponte e duas travessias. Obra em andamento, afirmou o prefeito.

O anel rodoviário de Ponta Porã vai tirar os veículos pesados do centro da cidade, aumentando a segurança e garantindo a fluidez do trânsito. “Vamos tirar o trânsito pesado do centro. É um sonho antigo de todos aqui da fronteira, em especial aqui de Ponta Porã. E junto com isso, outros investimentos. Vamos recapear mais avenidas, estamos entregando as patrulhas mecanizadas para os agricultores da agricultura familiar, estamos investindo nessa parceria na saúde, para levar a saúde mais próxima das pessoas. Isso mostra o governo presente e parceiro dos municípios”, disse.