Contribuintes receberam prêmios do IPTU 2017 em Ponta Porã

A Prefeitura de Ponta Porã promoveu na manhã desta terça-feira, 11 de abril, a entrega dos prêmios sorteados entre os contribuintes que pagaram o IPTU rigorosamente em dia.

O secretário de Finanças, Fabricio Cervieri, acompanhado por vários secretários, vereadores e servidores municipais, promoveu a entrega dos cinco prêmios que foram sorteados no último dia 31 de março.

O técnico agrícola Osvaldo Esteves Freitas Filho, que pagou em parcela única o IPTU de um imóvel na Vila Renô, recebeu as chaves da motocicleta zero quilômetro, prêmio exclusivo para quem optou em quitar o imposto pagando à vista obtendo desconto de 25%.

Também receberam seus prêmios os contribuintes Adão Jorge Fuchs que ganhou um fogão de 6 bocas. A senhora Marcelina Franco Martinez, do Residencial Ponta Porã I, veio até o Paço Municipal para retirar sua máquina de lavar e o cirurgião dentista Dr. Carlos Takashi Sogabe, foi contemplado com uma geladeira. O ganhador do televisor digital 32 polegadas foi o contribuinte Alonso de Rossi.

O presidente da Câmara Municipal, Otaviano Cardoso,  participou do sorteio e elogiou a iniciativa da Prefeitura em sortear prêmios valiosos entre os contribuintes que pagam em dia: “nosso município hoje tem prefeito. O Hélio Peluffo está trabalhando bastante para resolver os problemas existentes no município. Um deles, que é a coleta de lixo, já está bem encaminhado com a aquisição dos novos caminhões. Para continuar investindo, principalmente em melhorias nos bairros, é preciso que o cidadão dê sua contrapartida, pagando o imposto. E isso está sendo feito. Quero parabenizar a vocês por estarem cumprindo com o compromisso de cidadãos e também ao prefeito que está trabalhando bastante”, afirmou.

O ganhador da motocicleta, Osvaldo Esteves Freitas Filho, disse que sempre paga o IPTU em dia, optando pela parcela única: “este ano ainda desfrutei de um grande desconto, de 25%. Estou feliz porque ganhei este prêmio, mas também estou contente porque vejo a nova administração mostrando serviço e querendo trabalhar mais”.

Dona Marcelina Franco Martinez também estava feliz com a nova máquina de lavar. Ela veio acompanhada para poder transportar o equipamento para casa. O odontólogo Carlos Sogabe também demonstrava felicidade por poder colocar dentro de casa um novo eletrodoméstico. “Agora só falta a cerveja para gelar e desfrutar deste equipamento que veio em boa hora”, disse o contribuinte que relatou que foi a primeira vez que ganhou algo valioso em um sorteio.

Ao todo a Prefeitura deverá sortear 40 prêmios até o final do ano. Inclusive um carro popular zero quilômetro.

Prefeitura retoma coleta de lixo e caminhões novos já fazem o serviço na cidade

Os novos caminhões de coleta de lixo adquiridos pela Prefeitura de Ponta Porã já estão circulando pela cidade. O serviço de coleta começou a ser feito logo nas primeiras manhãs desta segunda-feira em diversos locais da área urbana.

O prefeito Hélio Peluffo acompanhou o início dos trabalhos visitando a Secretaria Municipal de Obras onde conversou com os servidores que, a partir de agora, vão efetuar este serviço no município. Segundo ele, a coleta deverá ser normalizada em poucos dias.

Um dos veículos possui dispositivo que facilita coleta do lixo depositado em grandes lixeiras de plástico.

Dentre os quatro caminhões novos, um deles possui um dispositivo que faz o recolhimento dos resíduos depositados em grandes lixeiras de plástico, utilizadas em estabelecimentos que comercializam alimentos e, por isso produzem muito lixo diariamente. Este caminhão inclusive fez o recolhimento do lixo armazenado numa padaria localizada entre o Santa Izabel e o BNH.

Prefeitura realiza coleta de lixo em Ponta Porã

Por absoluta inoperância e incapacidade da empresa terceirizada contratada na administração passada, a Prefeitura de Ponta Porã decidiu retomar o serviço da coleta de lixo. Durante a semana, a população local que reclama bastante (com total razão) pôde observar equipes da Secretaria Municipal de Obras percorrendo os pontos mais críticos para efetuar a coleta do lixo acumulado em frente das residências e estabelecimentos comerciais.

Na manhã desta sexta-feira, 7 de abril, uma equipe fazia a coleta na área central. Uma das ruas onde houve coleta é a Calógeras. Vários bairros já foram visitados pelas equipes como Granja, região do BNH. Grande Vila Áurea, e Residencial Ponta Porã II.

De acordo com o secretário de Obras, André Manosso, o serviço se estende aos bairros e é priorizado nos locais onde há grande acúmulo de lixo.

Segundo ele, nos próximos dias a Prefeitura vai colocar nas ruas quatro caminhões novos recentemente adquiridos para fazer o serviço de coleta que voltará a ser de responsabilidade do Município, uma vez que o contrato com a empresa será rescindido.

Saúde desenvolve ações para evitar leishmaniose em Ponta Pora

Uma equipe da Secretaria Municipal de Saúde saiu a campo nesta semana para desenvolver ações que visam prevenir o registro de casos da leishmaniose. A maior preocupação é da ocorrência de casos da doença do tipo humana visceral.

Antes de saírem a campo, os profissionais receberam uma capacitação na qual foram repassadas informações atualizadas sobre as formas de prevenção. “O objetivo é implementar medidas que fortalecem nossas ações de combate à doença”, afirmou Marina Derzi, gerente de Vigilancia em Saúde do município.

O trabalho está envolvendo diversos setores da estrutura da Saúde no Município, como de controle de endemias e vetores, vigilância epidemiológica, vigilância sanitária, vigilância ambiental e centro de controle de zoonoses.

As ações foram iniciadas na região do Jardim Planalto. Cerca de 300 imoveis localizados em 17 quarteiroes devem ser visitados durante esta primeira ação para detectar se existem animais infectados pela doença.

O que é Leishmaniose

De acordo com a Fundaçao Osvaldo Cruz, a leishmaniose é uma doença infecciosa não contagiosa que se apresenta com características clínicas e epidemiológicas diversas em cada área geográfica.Trata-se de uma zoonose urbana e periurbana dividida em quatro grupos: leishmaniose cutânea, que é a que produz exclusivamente lesões cutâneas, ulcerosas ou não, porém limitadas; leishmaniose cutâneo-mucosa ou leishmaniose mucocutânea, caracterizada por formas que se complicam freqüentemente com o aparecimento de lesões destrutivas nas mucosas do nariz, boca e faringe; leishmaniose visceral ou calazar, formas viscerais em que o parasito tem afinidade (tropismo) com o SFM (sistema fogocítico mononuclear) do baço, do fígado, da medula óssea e dos tecidos linfoides ; leishmaniose cutânea difusa, formas dissiminadas cutâneas que se apresentam em indivíduos alérgicos ou, tardiamente, em pacientes que foram tratados de calazar.

O vetor das leishmanioses é sempre um flebotomínio, (mosquito conhecido por flebotomo) que ao picar o indivíduo ou o animal parasitado retira junto com o sangue ou com a linfa intersticial as leishmanioses, que passarão a evoluir no interior do tubo digestivo, sofrendo muitas modificações.

Ao alimentar-se com o sangue de outros animais ou pessoas, o inseto passa a regurgitar o material aspirado. Fica assegurada desse modo, a inoculação de formas infectantes em um novo hospedeiro vertebrado, completando assim o ciclo evolutivo do parasito e a sua propagação a novos indivíduos suscetíveis.

Os flebotomínios são pequenos, muito pilosos de cor palha ou castanhos claros, facilmente reconhecidos pela atitude que assumem quando pousados, permanecendo com as asas entreabertas e ligeiramente levantadas, ao invés de se cruzarem sobre o dorso. São conhecidos como: “cangalha”, “orelha de veado”: “mosquito palha”, “tabuira”, e etc. Os animais reservatórios são os roedores, marsupiais (Didelphis) e cães domésticos.

O controle da doença é feito através do combate aos insetos por meio de inseticidas. Além disto, deve-se evitar os locais já sabidamente freqüentados pelos flebótomos ao entardecer e ao diagnosticar os animais domésticos, tratá-los logo que se suspeite dos sintomas da doença. O tratamento é específico para cada tipo de leishmaniose através de drogas também especificadas. Todas estas recomendações estão sendo repassadas à população pela equipe da Saúde.

“Aulão” de zumba no Parque dos Ervais neste sábado

Neste sábado, dia 08, acontece no Parque dos Ervais uma Aula Especial de Zumba. O evento tem o apoio da Prefeitura de Ponta Porã, é gratuito e terá início às 18h, com duração de aproximadamente 1h20min.

A profissional em educação física, Tatiana da Costa Oliveira, informou que o aulão contará com a presença de professores de Campo Grande, Dourados, Antônio João, além das cidades paraguaias de Cidade de Leste e Pedro Juan Caballero, além dos profissionais de Ponta Porã. A aula é aberta a todos, podendo participar adultos, crianças e idosos, já que o intuito maior é o de levar diversão com queima de calorias.

As pessoas que participarem da aula de zumba estarão concorrendo a diversos brindes doados por empresas do comércio local. De acordo com informações, ao chegar no Parque dos Ervais, o participante ganhará um número o qual lhe dará direito a concorrer aos prêmios cujo sorteio será realizado no final do evento.

Quem gosta de praticar atividades físicas, pode ir ao Parque dos Ervais participar das aulas de zumba, funcional, ritmos e fit que acontece todos os dias, inclusive finais de semana, às 18h e de segunda a sexta,  as 07h.

ZUMBA

A zumba é um exercício que envolve ritmos de dança latina incluindo salsa, merengue, mambo, reggaeton, samba, axé e funk. Serve para perder peso sem maiores esforços, já que envolve muita diversão e é indicada para queimar gordura e “secar” barriga. Em uma aula completa pode-se perder de 600 a 1000 calorias, de acordo com a intensidade dos movimentos.

Procon divulga pesquisa de preços dos produtos da Páscoa em Ponta Porã

O Procon de Ponta Porã realizou pesquisa de preços dos produtos mais procurados na época da Páscoa. A pesquisa foi feita em cinco estabelecimentos comerciais da cidade, os supermercados Super Nippon, Sol, Mercado Nippon, Lojas Americanas e Bom Gosto. A Cacau Show também foi visitada pela equipe que apanhou uma lista de produtos e preços. Como são produtos diferenciados não houve como comparar os preços com os demais estabelecimentos.

A diretora executiva do Procon, Cláudia Bonato, informou que a pesquisa se restringe aos estabelecimentos comerciais impossibilitando comparação de qualidade, ressaltando que foram observadas significativas variações nos preços dos produtos. Foram pesquisados preços de ovos de chocolate e peixes, incluindo o bacalhau.

Para que o consumidor tenha um parâmetro, a pesquisa do Procon aferiu que um ovo de páscoa Diamante Negro da marca Lacta, de 215 gramas, apresentou variação de R$ 3,00 entre o preço mais caro e o mais barato. O mais caro está sendo vendido por R$ 36,99 e o mais barato por R$ 33,99. Já o ovo de páscoa Bis ao Leite, de 318 gramas, da mesma marca, apresentou uma diferença de R$ 5,00 entre o estabelecimento que vende mais caro e o mais barato.

Da marca Nestlé os preços variam de R$ 31,90 (Prestígio 240 gramas) até R$ R$ 62,99 (Kit Kat 330 gramas). Da marca Garoto, o ovo de páscoa Talento de 225 gramas está saindo R$ 31,70, o mais barato; o mais caro é o Talento 375 gramas que custa R$ 52,99. Por conta destas variações, é recomendável que o consumidor faça uma pesquisa antes de comprar. A lista contendo todos os números da pesquisa está à disposição no Procon.

O Procon também pesquisou os ovos da marca Cacau Show, lembrando que a tabela de preços é regional por ser franquia. Na loja a variação é de R$ 44,00 entre o mais barato e o mais caro. Por serem chocolates de fabricação exclusiva, não há como comparar valores dos demais estabelecimentos que comercializam outras marcas de chocolate.

PESCADO

O Procon também foi em busca de informações sobre os preços cobrados na venda de outro produto bastante consumido nesta época do ano. No caso dos peixes ocorrem também variações de preços conforme o estabelecimento. A embalagem de 800 gramas do filé de tilápia apresentou o valor de R$ 24,37 o mais barato e de R$ 27,95 o mais caro. O filé de merluza apresentou variação de preço de R$ 3,24 nos estabelecimentos pesquisados.

O bacalhau norueguês inteiro só foi encontrado em um estabelecimento comercial nos dias em que o Procon fez a pesquisa. Na ocasião, o quilo do produto estava sendo vendido por R$ 94,55. Já no produto vendido em bandejas, há uma variação de preços que merecem ser observados pelos consumidores. Em um estabelecimento o quilo estava sendo vendido por R$ 43,90 e, em outro, por R$ 64,86.

A pesquisa referente aos pescados foi realizada nos quatro maiores supermercados da área central da cidade: Super Nippon, Sol, Nippon e Bom Gosto.

O Procon faz algumas recomendações aos consumidores: ao adquirir os produtos, observe sempre prazo de validade, composição e peso. As embalagens de ovos de páscoa devem apresentar advertência quando conter brinquedo, devendo ainda ter a restrição de faixa etária do brinquedo ou informativo de que o brinquedo não apresenta restrição de faixa etária; o produto deve estar em boas condições de armazenamento, longe de itens de limpeza e fontes de calor.

A íntegra da pesquisa pode ser obtida no Procon que fica situado na Rua 07 de Setembro, 551, Edifício Eurora, centro de Ponta Porã. Maiores informações (67) 3431 5866; 34321775 ou 3431 9090.

NTEM desenvolve ações para melhorar qualidade do ensino em Ponta Porã

A Prefeitura Municipal de Ponta Porã, através da Secretaria Municipal de Educação e o NTEM- Núcleo de Tecnologia Educacional Municipal está divulgando a todos os profissionais da educação, alunos e a cidadania em geral, as diversas ações desenvolvidas pelo NTEM neste primeiro semestre do ano letivo de 2017.

O NTEM está realizando dois cursos nesta primeira etapa do ano letivo.  Sendo o primeiro voltado para os professores de Matemática e será aplicada nas escolas especificamente aos alunos da Rede Municipal de Ensino, onde é trabalhado a linguagem de Programação Logo –  o KTurtle, ministrado pelo professor multiplicador Rubens de Oliveira Paz, que se realizou no mês de fevereiro e março.

O projeto Linguagem de programação KTurtle para alunos dos anos finais do Ensino Fundamental, tem como objetivo desafiar os alunos a criarem formas geométricas através da programação em Logo utilizando o ambiente de programação Kturtle, disponível no Linux Educacional 4.0 e 5.0 e, desta forma levar o conhecimento quanto aos principais elementos que compõe a geometria tais como: ângulos, ponto, reta, plano, polígonos diversos com suas diagonais e soma dos ângulos internos, além de inserir funções que possibilitam os variados cálculos já mencionados.

Para incentivo maior aos alunos participantes do projeto, será realizada uma competição com provas de programação para criação de formas geométricas em dois momentos, sendo o primeiro momento classificatório nas escolas e o segundo momento com uma prova final para premiação com certificado para os três primeiros colocados e uma vaga em um curso preparatório para a Olimpíada Brasileira de Informática – OBI que propõe-se ocorrer em parceria para ser ministrado na Universidade Federal de Mato Grosso do SUL – UFMS/ Campus Ponta Porã MS.

O segundo curso desenvolvido é o de Stop Motion e o seu objetivo principal como recurso pedagógico é, desenvolver e estimular a aprendizagem de forma lúdica e divertida, fazendo uso de recursos tecnológicos e audiovisuais, trabalhando conteúdos de forma integrada e interdisciplinar, propiciando a aprendizagem coletiva e a integração de professor- aluno.

O concurso também permite trabalhar de forma contextualizada conteúdo a serem desenvolvidos nas disciplinas empregadas no projeto, levando os participantes a uma integração e melhoria nos processos de ensino e aprendizagem.

Este ano o curso é voltado a professores de Língua Portuguesa, entre outros professores de áreas afins, onde passam por uma capacitação, onde ministram as professoras multiplicadoras Mirta Beatriz Souza Douglas e Alline Olívia González Além.

Nesta ocasião são abordados conceitos e técnicas do stop motion e sua adaptação em conteúdo do referencial a ser trabalhado ao longo do ano letivo. Os encontros presenciais se realizam no laboratório do NTEM nos dias 13,27/3, 10,24/04 e 08/05.

Posteriormente é aplicado em sala de aula, e nesta etapa de desenvolvimento, as escolas são inscritas, para o concurso de Stop Motion Prêmio professor Rafael Cardoso 3º edição. A inscrição é feita através do Drive virtual, ferramenta que permite realizar inscrições online, e que estará disponibilizado às escolas interessadas do dia 30/03 ao dia 28/04.

O concurso tem três modalidades, Educação Infantil para a modalidade I, Ensino Fundamental de 1º ao 5º ano para a modalidade II e 6º ao 9º para a modalidade III, que passa por adaptações que atendam todas essas modalidades e níveis de conhecimento, onde os participantes devem produzir um filme de animação basicamente com a técnica e que deve seguir as normas do regulamento que rege o concurso como também um tema gerador.

Finalmente é feita a avaliação e premiação dos filmes que acontece em novembro num evento intitulado Seminário de Tecnologias na Educação.

Para este evento toda comunidade escolar e outras instituições são convidadas a participar e prestigiar a produção dos alunos e suas escolas, como também, a discussão e reflexão de temas inerentes a educação e inserção tecnológica e a sua importância para a prática pedagógica na atualidade.

Saúde desenvolveu ações de prevenção à tuberculose em Ponta Porã

A Prefeitura de Ponta Porã através da Secretaria de Saúde realizou na última semana uma Ação Educativa devido ao Dia Mundial de Luta contra a Tuberculose que é lembrado na data de 24 de março.

A ação de panfletagem aconteceu no semáforo da esquina da Avenida Brasil com a Sete de Setembro, no centro da cidade.

A ação contou com a participação da Vigilância Epidemiológica, Vigilância em Saúde, CCZ, Imunização, Saúde do Trabalhador e Vigilância Sanitária. O objetivo foi conscientizar e sensibilizar a população acerca dessa doença que atinge 32,4 pessoas a cada e 100 mil habitantes, sendo que o principal sintoma da doença é a tosse por mais de três semanas, com ou sem catarro. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), em 2015 a tuberculose foi uma das dez principais causas de morte em todo o mundo.

Importante ressaltar que a tuberculose atinge principalmente o pulmão, com predomínio em indivíduos economicamente ativos, considerado uma doença prioritária no Brasil de responsabilidade da saúde pública, com tratamento e exames disponibilizados pelos SUS – Sistema Único de Saúde.

A gerente da Vigilância em Saúde, Marina Derzi,  informou que uma equipe está atuando nos bairros de Ponta Porã, iniciando o trabalho pela região do Jardim Planalto, com implementação de ações na localidade como um curso para capacitação que aconteceu na sexta-feira, dia 31 de março.

Prefeito visita bairros e acompanha execução de obras que beneficiam moradores de Ponta Porã

O prefeito de Ponta Porã, Hélio Peluffo, aproveitou o fim de semana para vitoriar algumas obras em andamento no município. Hélio esteve na região do Parque de Exposições para acompanhar o trabalho de recapeamento da pavimentação asfáltica num dos trechos mais críticos da cidade: a Rua Soilo de Freitas, importante via de acesso dos moradores de bairros como o Grande Marambaia, Mooca, América.

Hélio também esteve na rua Vital Brasil, que está sendo pavimentada. Uma das obras mais aguardadas pela população que mora na região norte de Ponta Porã. Moradores do Gui Vilela, Jardim Ivone, São Bernardo I e II, e bairros próximos, esperam esta obra há muitos anos. Neste momento está sendo feito o trabalho de conclusão do sistema de drenagem. Após a implantação da tubulação responsável pela captação das aguas das chuvas, será colocado o asfalto, concluindo a obra.

O prefeito também acompanhou de perto os trabalhos desenvolvidos na recuperação de ruas da região do Jardim Aeroporto.

Em cada local que visita, o prefeito conversa com moradores. Recebe o carinho da população que elogia o trabalho desenvolvido pela Prefeitura neste começo de administração. “Há muito tempo a gente esperava esse trabalho que a Prefeitura está fazendo aqui. Aqui os buracos sempre foram um tormento porque é uma rua muito movimentada, com muitos caminhões passando aqui. Este recapeamento acaba com o problema e acho até que vai aumentar a clientela”, disse o senhor Evaldo, o “Careca”, dono de uma auto elétrica localizada na rua Soilo de Freitas, nas imediações do Parque de Exposições.

Quem também está feliz com o recapeamento é Jerson Floriano: “a Prefeitura está realizando um sonho de quem mora aqui. Aqui nunca foi feito um trabalho assim. Sempre era uns remendos que na primeira chuva levava o asfalto embora. Finalmente, com o prefeito Hélio, estamos recebendo uma obra bem feita. Isso acaba com a buraqueira e até valoriza nosso imóvel”, disse.

PONTES

A Prefeitura também está realizando obras nas áreas rurais. No Assentamento Dorcelina Folador, por exemplo, foi concluída a recuperação de uma ponte numa importante via de ligação dos moradores à área urbana do município. Com a obra ficou mais fácil o acesso de centenas de crianças à escola e também o transporte da produção dos agricultores familiares deste importante assentamento rural.

Obra semelhante está sendo concluída em outro assentamento rural, o Corona. Ali, a Prefeitura, atendendo os produtores rurais, está recuperando uma das mais importantes vias de acesso ao município.

FUNCESPP convoca Escolas para JOJUMS E JEMS 2017 Instituições de Ensino conquistaram vagas nos Jogos Escolares de 2016

A Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã (FUNCESPP) divulgou ás Instituições de Ensino que conquistaram vagas para representar o município nos Jogos da Juventude de Mato Grosso do Sul (JOJUMS) e Jogos Escolares de Mato Grosso do Sul (JEMS) 2017.

Conforme informou a equipe do departamento de Esporte da Funcespp, as escolas garantiram vaga nas modalidades de Basquetebol, Futsal, Handebol e Voleibol nas categorias masculino e feminino durante os Jogos Escolares de Ponta Porã de 2016.

As instituições de ensino devem confirmar a participação nas competições selecionadas e citadas até o dia 10 de abril, um vez que os Jogos acontecerão no período de junho á setembro, com data e local  ser confirmado pela Fundesporte/MS

A  faixa etária do JOJUMS será 2000 á 2002 e do JEMS 2003 á 2005 no ofício de confirmação informar o nome, o telefone da direção da unidade escolar e do professor responsável pela modalidade. Segue abaixo a relação das Escolas, Modalidades classificadas com direito a vaga para representar o Município:

JOJUMS 2017

EscolaModalidade
Colégio TotalBasquetebol- Masc
E.E.Fernando SaldanhaBasquetebol-Fem
E.E. Adê MarquesFutsal- Masc
E.E. José EdsonFutsal- Fem
E.E J.B.CalvosoHandebol- Masc
CEPS-Perpétuo SocorroHandebol-Fem
E.E. J.B. CalvosoVôlei- Masc
E.E. J.B. CalvosoVôlei- Fem

 

. JEMS 2017

EscolaModalidade
E. M. Jardim IvoneBasquetebol- Masc
E.M. Jardim IvoneBasquetebol-Fem
E.E. Adê MarquesFutsal- Masc
E.E. José EdsonFutsal- Fem
Colégio TotalHandebol- Masc
CEPS-Perpétuo SocorroHandebol-Fem
E.E. J.B. CalvosoVôlei- Masc
E.E. J.B. CalvosoVôlei- Fem

 

A Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã funciona na Rua General Osório, 2.150- centro (Antiga Estação Ferroviária) de segunda á sexta-feira, em horário comercial. Maiores informações 3431-5675, departamento de esportes.